RSS

segunda-feira, 2 de março de 2015

08 de março
Dia Internacional da Mulher
        Desejo que as homenagens deste dia se prolonguem nos demais dias do ano.
        Parabéns!
Com um abraço, Sulamita Macedo.

Vejam no marcador “Dinâmicas para Eventos Femininos”, sugestões de 07 dinâmicas para homenagear as mulheres pelo seu dia.
Adultos: Os Dez Mandamentos – Valores divinos para uma sociedade em constante mudança
Lição 10: Não Furtarás

Professoras e professores, observem estas orientações:
1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.
- Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
Outro fator importante para estabelecer vínculos com os alunos é através das redes sociais, adicionem os alunos e mantenham comunicação com eles.
3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email ou pelas redes sociais, deixando uma mensagem “in box” dizendo que sentiu falta dele(a) na EBD).
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.
4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.
5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!

Observação importante:
Caso vocês ensinem em uma classe composta por mulheres ou mista, não se esqueçam de homenagear as mulheres pelo seu dia – 08 de março. Para isto, organizem o tempo de aula, separando um momento final para este fim.
Vejam, na categoria “Dinâmicas para Eventos Femininos”, sugestões de homenagem. Há 07 dinâmicas, escolham uma para homenagear suas alunas!

6 – Agora, vocês iniciam o estudo da lição. Vejam estas sugestões:
- Falem que vamos estuda sobre o 8º. mandamento: Não Furtarás.
- Em seguida, perguntem:
Quem já foi roubado ou teve a casa roubada ou foi assaltado?
Certamente a maioria vai dizer que sim, pois a prática do assalto e roubo tem sido uma ação rotineira.
Como vocês se sentiram após serem roubados?
Aguardem as respostas.
- Depois, trabalhem os pontos levantados na lição sempre de forma participativa e contextualizada.
- Em seguida, utilizem a dinâmica “Não Furtarás”.
Tenham uma excelente e produtiva aula!

Atenção!
Alguns pontos devem ser observados no momento da preparação da aula:
- Leiam a lição pelo menos 02 vezes, com uma semana de antecedência.
- Nesta leitura, observem o que há de mais importante. Escrevam pontos que mais chamou sua atenção e são relevantes para sua turma.
 - Pesquisem em outras fontes sobre o tema da aula.
- Organizem um roteiro para trabalhar o tema, contextualizando-o para o tipo de aluno que você ensina.
- Tenham cuidado com o tempo da aula e as atividades que serão realizadas.
- Procurem meios para dinamizar aula, para isso vocês devem estar estimulados e motivados a mudar a rotina das aulas, além de entender que ensinar não é uma atividade unilateral.
 Preparem-se e promovam aulas criativas, dinâmicas e cativantes! Dessa forma, haverá facilitação para o ensino, maior retenção da aprendizagem e participação dos alunos. Com certeza, os resultados aparecerão!
“Se é ensinar, haja dedicação ao ensino”. Rm 12.7b

Dinâmica: Não Furtarás
Objetivo: Introduzir o estudo sobre o 8º. Mandamento “Não Furtarás”, observando a amplitude de seu significado.
Material:
01 folha de papel ofício para cada grupo, contendo uma situação a ser analisada(vejam no procedimento)
Procedimento:
- Dividam a turma em 05 grupos.
- Entreguem para cada grupo, uma 01 folha de papel ofício, contendo uma situação a ser analisada.
Para o grupo 01 - Situação 01:
Fulano recebe de troco uma nota falsificada, mas não percebe. Em outra loja ao pagar um objeto, foi detectado pelo caixa que a cédula era falsa. Ele ficou muito chateado. Ele se desculpa e sai da loja e, depois de várias tentativas, consegue enfim passar a nota falsa em outro estabelecimento sem ser observado.
Para o grupo 2 - Situação 02:
Fulano está desempregado e para manter sua família está vendendo CD e DVD pirata.
Para o grupo 3 - Situação 03:
Fulano está vendendo um carro que está com vários problemas, mas ele afirma para um interessado em comprá-lo que o carro está em perfeito estado, pois fazia manutenção periódica.
Para o grupo 4 - Situação 04:
Fulano não é estudante, porém usa uma carteira de estudante que comprou de um colega.
Para o grupo 5 - Situação 05:
Fulano usa um aparelho de celular de excelente qualidade e que custa um bom dinheiro. Porém ele adquiriu o celular por algumas notas de 10,00 reais e não tem nota fiscal.
- peçam para cada grupo analisar a situação observando sob o critério da honestidade.
Depois, os grupos devem ler a situação para a classe e falar sobre o que analisaram do caso.
- Em seguida, a partir destas situações e análises dos grupos, reflitam com os alunos sobre o que é furtar e sua abrangência.

Por Sulamita Macedo.
Jovens – Eu Creio - Revelando ao mundo suas Convicções Cristãs
Lição 10: Eu Creio que posso fazer a diferença

Professoras e professores, observem estas orientações:
1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.
- Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
Outro fator importante para estabelecer vínculos com os alunos é através das redes sociais, adicionem os alunos e mantenham comunicação com eles.
3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email ou pelas redes sociais, deixando uma mensagem “in box” dizendo que sentiu falta dele(a) na EBD).
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.
4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.
5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!

Observação importante:
Caso vocês ensinem em uma classe composta por mulheres ou mista, não se esqueçam de homenagear as mulheres pelo seu dia – 08 de março. Para isto, organizem o tempo de aula, separando um momento final para este fim.
Vejam, na categoria “Dinâmicas para Eventos Femininos”, sugestões de homenagem. Há 07 dinâmicas, escolham uma para homenagear suas alunas!

6 – Agora, vocês iniciam o estudo da lição. Vejam estas sugestões:
- Apresentem o título da lição: Eu Creio que posso fazer a diferença.
- Iniciem o estudo do tema, utilizando a dinâmica “Pertenço ao Reino”.
- Trabalhem os pontos levantados na lição de forma participativa e contextualizada.
- Organizem, com seus alunos, 02 ações:
Uma evangelizadora: pensem em formas de evangelizar para executar durante a semana.
Uma social: para atendimento a pessoas necessitadas, quer seja de alimento, de visita, de remédio, de roupas etc.
Tenham uma excelente e produtiva aula!

Atenção!
Alguns pontos devem ser observados no momento da preparação da aula:
- Leiam a lição pelo menos 02 vezes, com uma semana de antecedência.
- Nesta leitura, observem o que há de mais importante. Escrevam pontos que mais chamou sua atenção e são relevantes para sua turma.
 - Pesquisem em outras fontes sobre o tema da aula.
- Organizem um roteiro para trabalhar o tema, contextualizando-o para o tipo de aluno que você ensina.
- Tenham cuidado com o tempo da aula e as atividades que serão realizadas.
- Procurem meios para dinamizar aula, para isso vocês devem estar estimulados e motivados a mudar a rotina das aulas, além de entender que ensinar não é uma atividade unilateral.
 Preparem-se e promovam aulas criativas, dinâmicas e cativantes! Dessa forma, haverá facilitação para o ensino, maior retenção da aprendizagem e participação dos alunos. Com certeza, os resultados aparecerão!
“Se é ensinar, haja dedicação ao ensino”. Rm 12.7b

Dinâmica: Pertenço ao Reino
Objetivo: Enfatizar a importância de pertencer ao reino de Deus, cumprindo a missão evangelizadora e social.
Material:
O1 quebra-cabeças com figura de Igreja
Colem a figura da Igreja numa cartolina, façam o desenho das peças do quebra-cabeça de acordo com o número de alunos da classe e depois recortem cada peça.
Procedimento:
- Distribuam as peças para os alunos(cada aluno deverá receber uma peça).
- Em seguida, peçam para que os alunos montem o quebra-cabeça.
- Após a montagem, perguntem: O que vemos?
Um quebra-cabeça com uma figura de igreja.
Cada parte desta figura foi colocada por vocês.
- Depois, trabalhem as seguintes ideias:
Você é uma peça do quebra-cabeça, isto nos remete aos membros do corpo de Cristo, a Igreja, que deve estar em unidade, em comunhão para adorar, servir a Deus.
Uma peça do quebra-cabeça ganha importância e valor quando está no conjunto das outras peças, formando um todo, e passa a ter grau de pertencimento ao todo.
Reforcem a importância do jovem estar reunido numa igreja local, para receber o ensino da Palavra de Deus, fortalecer os relacionamentos, comunhão com o Senhor.
- Agora, enfatizem a importância de está inserido na Igreja como parte integrante do corpo de Cristo e participar das atividades do reino, cumprindo a missão evangelizadora e social.
Por Sulamita Macedo.
Pré-adolescentes – Currículo do Ano 1: Quem é Deus
Lição 10: Onipotente, Onipresente e Onisciente

Professoras e professores, observem estas orientações:
1 - Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.
- Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
Outro fator importante para estabelecer vínculos com os alunos é através das redes sociais, adicionem os alunos e mantenham comunicação com eles.
3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email ou pelas redes sociais, deixando uma mensagem “in box” dizendo que sentiu falta dele(a) na EBD).
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.
4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.
5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!
6 – Agora, vocês iniciam o estudo da lição. Vejam estas sugestões:
- Introduzam o estudo do tema da aula, utilizando a dinâmica “Super Poderes”.
- Escrevam estes nomes no quadro ou cartolina: Onipotente, Onipresente e Onisciente.
- Falem, apontado para estes nomes: Nós vamos estudar nesta lição que cremos em Deus que é Onipotente, Onipresente e Onisciente.
Passem uma linha abaixo de “potente’ da palavra onipotente, “presente” da palavra onipresente e “ciente” da palavra onisciente. Falem que “potente” se refere a poder, “presente” a presença e “ciente” a conhecimento.
Falem que o prefixo oni significa “todo”.
- A partir disto, formulem uma definição, com os alunos, sobre onipotência, onipresença e onisciência.
- Depois, apresentem passagens bíblicas que demonstram estes atributos de Deus.
Tenham uma excelente e produtiva aula!

Atenção!
Alguns pontos devem ser observados no momento da preparação da aula:
- Leiam a lição pelo menos 02 vezes, com uma semana de antecedência.
- Nesta leitura, observem o que há de mais importante. Escrevam pontos que mais chamou sua atenção e são relevantes para sua turma.
 - Pesquisem em outras fontes sobre o tema da aula.
- Organizem um roteiro para trabalhar o tema, contextualizando-o para o tipo de aluno que você ensina.
- Tenham cuidado com o tempo da aula e as atividades que serão realizadas.
- Procurem meios para dinamizar aula, para isso vocês devem estar estimulados e motivados a mudar a rotina das aulas, além de entender que ensinar não é uma atividade unilateral.
 Preparem-se e promovam aulas criativas, dinâmicas e cativantes! Dessa forma, haverá facilitação para o ensino, maior retenção da aprendizagem e participação dos alunos. Com certeza, os resultados aparecerão!
“Se é ensinar, haja dedicação ao ensino”. Rm 12.7b

Dinâmica: Superpoderes
Objetivo: Introduzir o estudo sobre os atributos de Deus.
Material:
02 capas ou 02 mantos(pode ser feito de TNT)
02 espadas(pode ser de plástico)
Procedimento:
- Organizem os alunos em círculo.
- Perguntem: Qual o super-herói preferido de vocês? Por quê?
Aguardem as respostas.
- Perguntem:
Por que eles são considerados super-heróis?
Quais as características dos super-heróis?
Aguardem as respostas e escrevam num quadro ou cartolina.
- Escolham 02 alunos e coloquem um manto sobre cada um deles e entreguem uma espada. Em seguida, perguntem que poderes eles gostariam de ter se fossem super-heróis.
Aguardem as respostas.
Vocês devem repetir este procedimento com outros alunos, retirando a capa dos anteriores e colocando sobre os demais.
- Falem: Nesta lição, vamos estudar sobre um ser que é mais que um super-herói, pois tem superpoderes.
Ele onipotente, tem poder sem limite, os super-heróis têm um, dois, três poderes.
Ele é onipresente, pode estar em todas em todos os lugares ao mesmo tempo, mas os outros super-heróis não.
Ele é onisciente, conhece todas as coisas, mas os super-heróis apenas algumas coisas.
- Agora, trabalhem os pontos levantados na lição.
Por Sulamita Macedo.
Adolescentes - Currículo do Ano 1: Cremos
Lição 10: No Batismo e na Santa Ceia

Professoras e professores, observem estas orientações:
1 - Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.
- Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
Outro fator importante para estabelecer vínculos com os alunos é através das redes sociais, adicionem os alunos e mantenham comunicação com eles.
3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email ou pelas redes sociais, deixando uma mensagem “in box” dizendo que sentiu falta dele(a) na EBD).
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.
4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.
5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!
6 – Agora, vocês iniciam o estudo da lição. Vejam estas sugestões:
- Falem que nesta lição vamos estudar que cremos no Batismo em Águas e na Santa Ceia.
- Trabalhem os pontos levantados na lição de forma participativa e contextualizada.
Para exemplificar o Batismo em Águas, utilizem a dinâmica “O Batismo”.
Para exemplificar e concluir a aula, utilizem a dinâmica “Comunhão”.
Tenham uma excelente e produtiva aula!

Atenção!
Alguns pontos devem ser observados no momento da preparação da aula:
- Leiam a lição pelo menos 02 vezes, com uma semana de antecedência.
- Nesta leitura, observem o que há de mais importante. Escrevam pontos que mais chamou sua atenção e são relevantes para sua turma.
 - Pesquisem em outras fontes sobre o tema da aula.
- Organizem um roteiro para trabalhar o tema, contextualizando-o para o tipo de aluno que você ensina.
- Tenham cuidado com o tempo da aula e as atividades que serão realizadas.
- Procurem meios para dinamizar aula, para isso vocês devem estar estimulados e motivados a mudar a rotina das aulas, além de entender que ensinar não é uma atividade unilateral.
Preparem-se e promovam aulas criativas, dinâmicas e cativantes! Dessa forma, haverá facilitação para o ensino, maior retenção da aprendizagem e participação dos alunos. Com certeza, os resultados aparecerão!
“Se é ensinar, haja dedicação ao ensino”(Rm 12.7b).

Dinâmica: Comunhão
Objetivo:
Promover momento de entrosamento entre os alunos, tendo como ponto de partida uma das finalidades da Santa Ceia - unir os crentes em amor pela comunhão com Jesus.
Material:
01 Mesa
01 toalha para a mesa
Ramos de trigo
Pães de queijo pequenos dentro de um saquinho de plástico
Refrigerante ou suco de uva
Guardanapos
Copos descartáveis
Procedimento:
- Após o estudo sobre a Santa Ceia, convidem os alunos para se posicionaram ao redor de uma mesa, arrumada com pães e refrigerante ou suco de uva.
- Agradeçam a Deus pela oportunidade de estar juntos, estudando este tema.
- Falem: Vamos agora fazer um lanche, celebrando um momento de união e comunhão entre todos os alunos da classe.
- Distribuam para cada aluno um pão e um copo de refrigerante ou suco de uva. Avisem para aguardar uma orientação.
Lembrem-se de que cada pão deve estar dentro de um saquinho.
- Então, solicitem que cada um escolha um colega e troque com ele, o pão e o copo de refrigerante, falando uma mensagem.
- Este atividade deve ser repetida pelo menos umas 05 vezes, com duplas diferentes.
- Em seguida, sirvam os alunos.
Por Sulamita Macedo.

Dinâmica: O Batismo
Objetivo: Oportunizar o estudo sobre o batismo bíblico.
Material:
Água
01 bacia pequena
01 boneco pequeno de plástico.
Procedimento:
- Perguntem: Quais os tipos de batismos que vocês conhecem?
Aguardem as respostas.
- Solicitem aos alunos que relatem o que já presenciaram ou participaram sobre os tipos de batismos que eles citaram, utilizando os materiais acima citados. Observem com atenção a demonstração dos batismos vivenciados pelos alunos.
Observação: Caso ocorra apenas a citação do batismo por aspersão, vocês devem apresentar o batismo por imersão.
- Falem: Vimos agora com esta demonstração que há vários tipos de batismo, mas o batismo bíblico é aquele conhecido como “Imersão”.
- Então, leiam Mt 3. 13 a 17. Após a leitura, enfatizem a expressão “saiu logo da água”, que nos assegura que o batismo de Jesus foi por imersão.
- Para finalizar, falem: Agora, vamos estudar sobre este batismo.
Por Sulamita Macedo.