RSS

terça-feira, 3 de abril de 2012

Dinâmica: Sinal de Fumaça

Objetivo: Refletir sobre o agir de Deus, aquele que nos vê nas “ilhas” da vida.

Material:
- Texto “Ninguém está Sozinho”.
- ¼ de folha de papel ofício.

Procedimento:
1 - Leiam o texto “Ninguém está Sozinho”.
“Após um naufrágio, o único sobrevivente agradeceu a Deus por estar vivo e ter conseguido se agarrar à parte dos destroços para poder ficar boiando.
Este único sobrevivente foi parar numa pequena ilha desabitada e fora de qualquer rota de navegação. Ele agradeceu novamente.
Com muita dificuldade e restos dos destroços, ele conseguiu montar um pequeno abrigo para que pudesse se proteger do sol, da chuva, dos animais e para guardar seus poucos pertences, e,  como sempre,  agradeceu.
Nos dias seguintes, a cada alimento que conseguia caçar ou colher,  ele agradecia.
No entanto, um dia quando voltava da busca por alimento, ele encontrou o seu abrigo em chamas, envolto em altas nuvens de fumaça.
Terrivelmente desesperado ele se revoltou, gritava chorando: “O pior aconteceu! Perdi tudo! Deus, por que fizeste isso comigo?” Chorou tanto, que adormeceu profundamente cansado.
No dia seguinte, bem cedo, foi despertado pelo som de um navio que se aproximava.
- Viemos resgatá-lo!
- Como souberam que eu estava aqui?
- Nós vimos seu sinal de fumaça!
É comum sentirmo-nos desencorajados e até desesperados quando as coisas vão mal. Mas Deus age em nosso benefício, mesmo nos momentos de dor e sofrimento”.
Autor desconhecido.
2 – Perguntem: O que pode representar uma ilha na vida de uma pessoa?
Aguardem as respostas. Certamente elas vão girar em torno das palavras: isolamento, solidão, problema, desprezo.
3 - Em seguida, falem: Muitas vezes, sentimos que estamos numa ilha, isolados, desprezados, esquecidos, como se as pessoas não nos vissem e que nossa situação não tem solução. Mas, Deus nos vê. Deus viu João na ilha de Patmos, quando foi desterrado pelo imperador da época, para aquele lugar inóspito.
4 – Distribuam o ¼ da folha de papel ofício para cada aluno e solicitem para que desenhe uma ilha e uma pessoa, representando ele mesmo.
5 – Falem ainda: Não sei qual o tipo de ilha que você está, nem qual o motivo de ter chegado lá.  Solicitem para que o aluno escreva na ilha qual a dificuldade que está enfrentado.
6 – Perguntem: Qual tem sido o sinal de fumaça que você tem lançado? Como tem sido o seu pedido de socorro?
Aguardem as respostas.
7 – Falem: Deus está lhe vendo, Ele lhe conhece e sabe como tirá-lo desta ilha e ainda lhe fortalece e acalma em meio a dificuldade.
8 – Leiam Apocalipse 1. 17 “... Ele pôs sobre mim a sua destra, dizendo-me: Não temas; eu sou o Primeiro e o último e o que vive”. 
Lembre-se: Jesus está vivo e lhe vê!
9 – Em seguida, façam uma oração pelos alunos e peçam para os alunos guardarem o desenho; quando eles saírem da “ilha”, sugiram que eles contem na classe.
Por Sulamita Macedo.

10 comentários:

Anônimo disse...

gosto muito dos seus comentarios sobre as liçoes da ebd,pois tem contribuido bastante para meu aprendizado e para as minhas aulas.que senhor continue te dando sabedoria.

Sulamita disse...

Anônimo, muito obrigada por sua visita. Fico muito feliz ao saber o que este blog tem proporcionado para seu aprendizado e para seus alunos também.

edu de Cristo disse...

Gostaria de deixar aqui meus sinceros agradecimentos, por essa ajuda tão maravilhosa que vcs nos dão.Descobri esse mateial a alguns dia,e,tem enriquecido muito meus conhecimentos e me dado maior suporte para minhas aulas.Muito obrigado a vcs e que Deus continue usando as vossas vidas com muita sabedoria

Anônimo disse...

Obrigada pelos comentários, pois os mesmos são valiosos e me ajudam em meus planos de aula na EBD. Que Deus te abençoe!

Sulamita disse...

Edu de Cristo, muito obrigada por sua visita. Que bom saber que as orientações deste blog tem servido de suporte para suas aulas.

Sulamita disse...

Anônimo, obrigada por sua visita. Fico muito feliz e sinto-me recompensada ao saber que as orientações lhe ajudam no planejamento de aulas da EBD.

LUCAS MARTINS disse...

Ev. Lucas Martins da Ig. Assembleia de Deus de Guaraí-TO: Prof.ª Sulamita, sou grato a Deus por você existir e em poder compartilhar com meus alunos suas abençoadas dinâmicas. Que Deus continue lhe iluminando, grande serva de Deus.

Pb.Marcos Antonio da Silva disse...

Pb. Marcos
Maravilha de dinamica,concerteza eu vou aplicar na minha aula. parabens

Sulamita disse...

Ev. Lucas Martins, muito obrigada por sua visita. Continue assim, ministrando aulas dinâmicas na EBD.

Sulamita disse...

Pb Marcos Antonio, muito obrigada por sua visita. Parabéns pela iniciativa em utilizar algo dinâmico e que propicia o aumento da aprendizagem.